Entre os pioneiros e mais conhecidos nomes do AOR estão bandas como Journey, Kansas, Toto, Survivor, Foreigner, Styx, Boston, Asia e REO Speedwagon. Canções como ” Don’t Stop Believin’ “, “Carry On Wayward Son”, “Dust in the Wind”, “Africa”, “Rosanna”, “Hold the Line”, “Eye of the Tiger”, “Burning Heart”, “More Than a Feeling”, “Heat of the Moment” e “Only Time Will Tell” estão entre os maiores clássicos do estilo.

A influência do AOR foi bastante perceptível durante a década de 80, com o surgimento de bandas como Magnum, Red Rider, Honeymoon Suite e outras, além da inserção cada vez maior de características do gênero AOR na música de grupos que originalmente não partiram desse estilo, como foi o caso do Def Leppard e do Bon Jovi.

Durante os anos 90 e 2000, o AOR perdeu significativamente a sua popularidade, o que não representou, necessariamente, a ausência de bandas e artistas de qualidade e que fazem parte do estilo AOR, como comprovaram as bandas Harem Scarem, Tyketto, Talisman e House of Lords. Mais recentemente, nomes como Gotthard, Pride of Lions, W.E.T., Brother Firetribe, H.E.A.T e Place Vendome têm conseguindo atrair uma nova geração de admiradores para o gênero, rejuvenescendo o estilo em discos marcantes.